Posts Tagged ‘chá-verde’

10 super alimentos que ajudam na manutenção do Fígado

fígado, pesando cerca de 3 quilos em adultos saudáveis, é um dos órgãos vitais do corpo.

É responsável por muitas funções importantes relacionadas com a digestão, metabolismo, imunidade e o armazenamento de nutrientes que o organismo necessita para sobreviver. Além disso, o fígado é uma glândula que secreta elementos químicos exigidos por outras partes do corpo.

Na verdade, o fígado é a única parte do seu corpo que é um órgão e uma glândula. Um fígado saudável regula a composição do sangue, remove substâncias tóxicas, bem como processos e converte nutrientes absorvidos pelo intestino durante a digestão em formas que o corpo pode usar. Ele também armazena algumas vitaminas, ferro e glicose.

Também é responsável por quebrar a insulina, hemoglobina e outros hormônios. Além disso, destrói células vermelhas velhas do sangue e produz produtos químicos necessários para a coagulação adequada. Devido as suas funções vitais é muito importante manter o fígado saudável.

Uma dieta errada e estilo de vida pobre podem sobrecarregar o fígado, deixando-o incapaz de processar as toxinas e gorduras com eficiência. Isso por sua vez pode aumentar o risco de obesidade, doenças cardiovasculares, fadiga crônica, dores de cabeça, problemas digestivos, alergias e muitos outros problemas de saúde.

Muitos alimentos podem ajudar a limpar, rejuvenescer e desintoxicar seu fígado, mantendo este órgão como você precisa.

1. Alho

O alho é ótimo para a limpeza do seu fígado. Ativa as enzimas no fígado que ajudam a limpar as toxinas. Ele também contém dois compostos naturais chamado alicina e selênio, que ajudam no processo de limpeza de fígado e o protege de danos tóxicos. Além disso, o alho reduz os níveis de colesterol e triglicérides, que podem sobrecarregar o fígado e prejudicar seu funcionamento.

Para promover a saúde do fígado, use alho fresco em vez de alho processado, picado ou em pó. Comer 2 a 3 dentes de alho cru por dia e inclua o alho na sua comida sempre que possível.

Você também pode tomar suplementos de alho, mas só depois de consultar o seu médico.

2. Toranja

Sendo uma boa fonte de vitamina C, pectina e antioxidantes, a toranja também auxilia o processo natural de limpeza do fígado. Contém também glutationa, um poderoso antioxidante que neutraliza os radicais livres e desintoxica o fígado.

Glutationa também ajuda na desintoxicação de metais pesados. Além disso, ajuda a naringenina flavonóide da toranja ajuda a quebrar a gordura.

Beba um copo pequeno de suco de toranja espremido na hora ou desfrute do fruto inteiro em seu lanche diário.

Nota: Se você está tomando medicamentos, consulte seu médico antes de tomar esta fruta pois ela pode interagir com certos medicamentos.

3. Beterraba

Beterraba é um alimento poderoso para limpar e ajudar o funcionamento do fígado. Rico em flavonóides e beta-caroteno, eles ajudam a estimular e melhorar a função global do fígado pois são purificadores naturais do sangue.

Basta adicionar beterraba fresca ou suco em sua dieta diária. Faça uma salada de limpeza para o fígado poderosa com 1 xícara de beterraba ralada ou picada, 2 colheres de sopa de óleo de oliva extra virgem prensado a frio e o suco de ½ limão. Misture todos os ingredientes e coma 2 colheres de chá do mesmo a cada 2 horas durante o dia por uma semana.

4. Limões

Limões ajudam a desintoxicar o fígado principalmente devido ao antioxidante D-limoneno presente nele, que ativa as enzimas que ajudam na desintoxicação. Além disso, a elevada quantidade de vitamina C dos limões ajudam seu fígado produzir mais enzimas para a digestão. Os limões também aumentam a absorção de minerais pelo fígado.

Faça água com limão em casa adicionando o suco de 1 limão a uma jarra de água. Você pode até adicionar limões picados para isso. Beba esta água em intervalos regulares. Se desejar, adicione um pouco de mel.

5. Chá Verde

Beber chá verde diariamente, pode ajudar seu corpo a eliminar toxinas e depósitos de gordura, aumentando os níveis de hidratação. Um estudo de 2002, publicado na revista internacional de obesidade mostrou que as catequinas no chá ajudam a estimular o metabolismo de lipídios no fígado.

Este por sua vez impede o acúmulo de gordura no fígado. Esta bebida saudável também protege o fígado dos efeitos prejudiciais de substâncias tóxicas como álcool.

O chá verde também é benéfico no tratamento ou prevenção de doença hepática. De acordo com um estudo publicado em 2009 sobre as causas e controle do câncer, mostrou que pessoas que bebem chá verde têm um menor risco de desenvolver câncer de fígado.

Beba 2 a 3 xícaras de chá verde diariamente. Se desejar, adoce o chá com mel.

Nota: Evite beber chá verde em excesso, pois ele pode ter um impacto negativo no seu fígado e outras partes do corpo.

6. Abacates

Abacates contêm produtos químicos que reduzem o dano hepático. De acordo com um estudo de 2000 da sociedade americana de química, o abacate é rico em glutationa, um composto necessário pelo fígado para limpar as toxinas prejudiciais para o seu correto funcionamento.

A alta quantidade de gordura monoinsaturada no abacate ajudam a reduzir as lipoproteínas de baixa densidade ou “mau” colesterol e aumentam as lipoproteínas de alta densidade ou colesterol “bom”. O fígado processa facilmente o bom colesterol.

Além disso, abacates contêm muitos minerais, vitaminas e fitossanitárias que ajudam a quebrar gorduras, contribuindo para um bom funcionamento do fígado.

Coma abacates de 1 a 2 vezes por semana por alguns meses para ajudar a reverter os danos do fígado.

7. Açafrão

Cúrcuma é outro alimento eficaz e popular. Também melhora a capacidade do organismo para digerir gorduras. O composto curcumina induz a formação de uma enzima primária de desintoxicação do fígado chamada Glutationa S-transferase. Ela também ajuda a regenerar as células hepáticas danificadas.

Misture ¼ colher de chá de açafrão em pó em um copo de água e ferva.. Beba duas vezes ao dia por duas semanas. Além disso, inclua este tempero na sua culinária diária.

8. Maçãs

Uma maçã por dia é o segredo por trás de um fígado saudável. As maçãs são uma boa fonte de pectina, uma fibra solúvel que ajuda a remover as toxinas do aparelho digestivo e do colesterol do sangue, por sua vez, impedem o fígado de ser sobrecarregado. Além disso, as maçãs contêm ácido málico, um nutriente de limpeza que remove substâncias cancerígenas e outras toxinas do sangue.

Todos os tipos de maçãs são bons para o fígado, no entanto, para uma limpeza do fígado rápido escolha maçãs orgânicas. Coma uma maçã orgânica ou beba um copo de suco de maça fresco diariamente.

9. Nozes

A quantidade elevada do aminoácido l-arginina nas nozes auxilia o fígado na desintoxicação de amônia. Além disso, elas contêm glutationa e ácidos graxos ômega-3, que auxiliam o processo natural de limpeza do fígado. De acordo com um estudo de 2008 publicado no diário agrícola e químico de alimentos, os polifenóis das nozes previnem lesões hepáticas induzidas por tetracloreto de carbono e d-galactosamina.

Mastigar um punhado de nozes como aperitivo diariamente. Você pode também polvilha-las sobre uma salada, sopa ou assados.

10. Brócolis

Inclua os brócolis na sua dieta porque eles ajudam no processo natural de limpeza do fígado. Sendo ricos em Glicosinolatos, liberam do fígado as substâncias cancerígenas e outras toxinas prejudiciais.

O alto teor de fibras dos brócolis também melhoram o processo de digestão. Além disso, ele contém vitamina E lipossolúvel, um importante antioxidante para o fígado realizar as suas funções.

Coma 1 xícara de brócolis, 3 vezes por semana para manter o seu fígado limpo. Para manter o seu fígado saudável, os especialistas em saúde recomendam a eliminação ou redução dos alimentos de origem animal, bem como álcool, açúcar refinado, cafeína em excesso e alimentos processados de sua dieta.

Abandone o cigarro porque o fumo causa danos significativos em diferentes órgãos do corpo, incluindo o fígado.

fonte: http://www.gracienutri.com/blog/artigos/10-super-alimentos-que-ajudam-a-limpar-o-figado-2016/

Anúncios

Chá verde pode ajudar a evitar Mal de Alzheimer e câncer

Estudo desenvolvido na Universidade de Newcastle, na Inglaterra, demonstram que os compostos químicos do chá protegem células saudáveis de toxinas e desaceleram o crescimento de tumores.

Veja a notícia.

Notícia na íntegra (em inglês) aqui.

Chá-verde: Bem-estar para o corpo todo

O chá verde é conhecido na China, há mais de 4.000 anos, como um poderoso aliado à boa saúde.
Mas somente nas últimas décadas os cientistas começaram a explicar como ele atua nos mais diversos sistemas do nosso organismo.
É chamado de verde porque as folhas da erva sofrem pouca oxidação durante o processamento, o que não acontece com as folhas do chá preto.
Algumas outras ervas são vendidas sob título de chá verde, porém o verdadeiro chá verde é feito a partir da folha do arbusto Camellia Sinensis.
Também conhecido como Banchá, ele é rico em polifenóis ou flavonóides, substâncias que possuem ação antioxidante (anti-radicais livres) superior a qualquer outro antioxidante natural conhecido.
De acordo com uma pesquisa da Universidade de Tohoku, no Japão, publicada recentemente no The Journal of the American Medical Association (JAMA), o chá verde – além de ser rico em manganês, potássio, ácido fólico e em vitaminas C, K, B1 e B2 – é uma boa fonte de tanino. Segundo eles, o consumo diário deste chá, associado a uma alimentação saudável e atividade física regularmente, é excelente para a saúde do organismo.
Aumentar a ingestão de líquidos, na forma de água pura ou chás, é um dos pilares de sustentação de qualquer programa de controle de peso baseado na ciência. Isso ocorre porque uma das maiores dificuldades de quem quer ter um peso saudável são os picos de fome entre as refeições. Tomar uma bebida refrescante, sem adição de açúcar, no meio da manhã ou da tarde, de preferência acompanhando um lanche nutritivo e saudável (frutas, barras de proteína ou sopas), evita que o indivíduo tenha a sensação de estômago vazio, prevenindo uma compulsão alimentar.
Além disso, aumentar a ingestão diária de líquidos é uma medida excelente para melhorar a saúde dos intestinos, rins e pele. Por falar em pele, há muito tempo já conhecemos os efeitos benéficos dos antioxidantes na proteção das células da epiderme, melhorando a circulação e ajudando a prevenir o envelhecimento precoce da cútis.
A novidade é que pesquisadores da Universidade de Nova Jersey descobriram que o chá verde na forma de creme melhora o sistema de defesa das células da pele contra os raios ultravioleta do tipo B.
Eles demonstraram que a aplicação de extrato de chá verde na pele de humanos 30 minutos antes da exposição à radiação ultravioleta reduziu significativamente o eritema (ou “vermelhão”), além de diminuir a formação de radicais livres e células inflamatórias. Ao reduzirmos a inflamação causada por essa radiação, aumentamos a proteção contra o câncer de pele.
O tanino presente nesta planta possui propriedades anti-sépticas e adstringentes, podendo ser indicada para limpeza de peles oleosas, especialmente do couro cabeludo.
A cada dia aparecem mais estudos demonstrando os benefícios do chá verde, tanto quando ingerido como aplicado na pele. É a Ciência da nutrição trazendo bem-estar para todo o nosso organismo.

Autor: Dr. Nataniel Viuniski, Médico Nutrólogo especialista em obesidade.

Fonte: Revista Today, edição 102 setembro/2007.