Resumo Prefácio, livro “Revolução Antioxidante” do Dr.Kenneth Copper

Segue abaixo um trecho retirado do livro: “Revolução Antioxidante“, Prefácio:

REVOLUÇÃO ANTIOXIDANTE

Prefácio

“Atualmente, é difícil folhear um periódico médico, ler uma revista, abrir um jornal, ou mesmo assistir a um comercial na televisão sem encontrar referências aos antioxidantes ou radicais livres.

(…) Os radicais livres – ou moléculas instáveis de oxigênio, também conhecidas como a espécie de oxigênio reativo – estão agora implicados em mais de 50 problemas médicos, incluindo vários tipos de câncer, cardiopatia, envelhecimento precoce, cataratas, e até mesmo AIDS. O relacionamento com uma variedade tão grande de doenças sugere que os radicais livres não representam fenômenos periféricos isolados, sendo na realidade os protagonistas da maioria dos problemas de saúde no ser humano.

(…) Embora a possível relação entre os danos causados pelos radicais livres e as várias doenças seja postulada há muitos anos, só recentemente as pesquisas e a disponibilidade de tecnologia científica moderna permitiram conclusões mais definidas. Aprendemos que uma variedade de fatores, como a luz ultravioleta, a poluição do ar, os cigarros e até mesmo os exercícios exaustivos (do tipo ultra) podem produzir muitos radicais livres em nosso corpo.

(…) De fato, à medida que as pesquisas se ampliaram, ficou claro que a prescrição de exercícios apropriados se complica – especialmente quando se considera a exposição a gatilhos de radicais livres como o treinamento exagerado. Sobre este assunto, iremos discutir dois tópicos importantes:

o valor supreendente da atividade física de baixa intensidade na produção de benefícios sobre a saúde e a longevidade

a necessidade de um tratamento com vitaminas antioxidantes para combater os efeitos potencialmente nocivos do excesso de radicais livres causado pelo excesso de atividade física

Talvez o tópico mais interessante, e certamente o mais controverso neste livro, seja a noção de que exercícios em demasia – também denominados exercícios extenuantes – possam na realidade aumentar o risco de problemas médicos. (…) Além disso, não estou desencorajando a atividade física no indivíduo apto, que está atento aos sinais do seu organismo. Porém, recomendo fortemente o uso regular de antioxidantes, independentemente do grau de atividade física. (…) Mas existem evidências concretas indicando que os antioxidantes podem prevenir ou retardar o surgimento de muitas doenças, como o câncer e as cardiopatias.

(…) Finalmente, com o seu ingresso na aventura da Revolução Antioxidante, desejo-lhe boa sorte – e quero lembrar-lhe que o caminho para a aptidão é uma jornada, e não uma simples chegada. Por isso, após dar início ao programa, não espere que algum dia chegue lá ou finalmente consiga. Em vez disso, decida-se a permanecer nesse caminho para a saúde pelo resto de sua vida.

Retirado do livro: “Revolução Antioxidante”, 2005 – Editora Record, de Kenneth H. Cooper [Comprar o livro]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: